Sindicato do Bancários Zona da Mata e Sul de Minas - SINTRAF JF
Facebook e Instagram Facebook dos Bancários Instagram dos Bancários
Imprensa e Notícias

Santander abre processo de inscrição para bolsas de estudos de 2011

O Santander abriu o processo de inscrição para as bolsas de estudos de 2011. O banco espanhol já divulgou um comunicado interno e os funcionários interessados podem se habilitar até o dia 4 de fevereiro.

As inscrições devem ser feitas pela intranet do banco, através do caminho: Intranet > As Pessoas > Autoatendimento > Benefícios > Solicitar Reembolso > Bolsa de Graduação> Solicitar Bolsa.

A concessão de bolsas de estudo está prevista no acordo aditivo do Santander à convenção coletiva, firmada entre a Contraf-CUT, entidades sindicais e o banco. "Trata-se de uma importante conquista da luta dos bancários que auxilia na graduação dos trabalhadores do banco", destaca o funcionário do Santander e secretário de imprensa da Contraf-CUT, Ademir Wiederkehr.

Estão disponíveis 2 mil bolsas para cursos afins. O valor será de 50% da mensalidade limitado a R$ 380, já incluído o reajuste salarial de 7,5%.

Confira a cláusula do aditivo que assegura as bolsas de estudo:

CLÁUSULA SÉTIMA - Bolsas Auxílio Estudo

Serão concedidas aos empregados do SANTANDER e das empresas listadas na Cláusula Abrangência deste Acordo Coletivo, até 2.000 (duas mil) bolsas de auxílio estudo, em valor correspondente a 50% da mensalidade, limitada a R$ 350,00 (trezentos e cinqüenta reais) cada.

PARÁGRAFO PRIMEIRO
A concessão se dará a partir do mês de fevereiro de 2010, para o ano letivo de 2010 e a partir de fevereiro de 2011, para o ano letivo de 2011.

PARÁGRAFO SEGUNDO
Serão garantidas 12 (doze) parcelas podendo, a critério do aluno, optar por 11 (onze) mensalidades mais a matricula ou 12 (doze) mensalidades.

PARÁGRAFO TERCEIRO
As regras que regulamentarão a concessão das bolsas de auxílio estudo serão definidas entre as partes, ficando já acertado, os seguintes parâmetros: empregados com pelo menos 04 (quatro) meses de contrato de trabalho, destinadas, exclusivamente, à 1ª graduação em nível de Bacharelado e Licenciatura e critérios de desempate, tais como: empregado já contemplado com a bolsa em 2009, menor salário, tempo de contrato no Banco e/ou nas empresas listadas na Cláusula Abrangência deste Acordo Coletivo e números de filhos.

PARÁGRAFO QUARTO
Os cursos abrangidos pela presente cláusula e parágrafo terceiro são: Administração de Empresas, Marketing, Ciências Contábeis, Tecnologia da Informação, Economia, Direito, Comércio Exterior e Matemática. Além dos cursos específicos de Gestão de Sistema da Informação, Gestão de Tecnologia da Informação e Propaganda e Marketing, sendo estes últimos três citados, caracteristicamente, com formação em nível de Tecnólogo.

PARÁGRAFO QUINTO
Ficam convalidadas as regras para concessão das bolsas auxílio estudos do exercício de 2010 para o exercício de 2011, sendo que a concessão não será automática, devendo o empregado interessado se inscrever, novamente, em 2011.

Fonte: Contraf-CUT