Sindicato do Bancários Zona da Mata e Sul de Minas - SINTRAF JF
Facebook e Instagram Facebook dos Bancários Instagram dos Bancários
Imprensa e Notícias

SINTRAF JF participa do Coletivo Jurídico Nacional

O evento debate medidas que afetam diretamente os trabalhadores

O Sindicato dos Bancários da Zona da Mata e Sul de Minas, SINTRAF JF, participa nesta terça (19), na sede da Contraf-CUT, em São Paulo, o Coletivo Jurídico Nacional. O evento debate as pautas em discussão no Legislativo Federal (Câmara dos Deputados e Senado Federal), no Executivo Federal e no Judiciário que afetam diretamente os trabalhadores.


O presidente do SINTRAF JF e funcionário do Banco do Brasil, Watoira Antônio, representa o sindicato na atividade, além do advogado credenciado, Dr. Mauro Lúcio Duriguetto.

A presidenta da Contraf-CUT, Juvandia Moreira, abriu o evento e enalteceu a importância do Coletivo. “Acho que aqui tem de ser pensado formas para combater o desmonte que a Reforma da Previdência, que este governo pretende aprovar no Congresso, pode trazer aos trabalhadores. É o aprofundamento da retirada de direitos, iniciada pela reforma trabalhista, aprovada no fim de 2017.”

Antes de iniciar os debater, o secretário de Comunicação da Contraf-CUT, Gerson Carlos Pereira, apresentou a Cartilha “Convenção Coletiva de Relações Sindicais 2018-2020”. A publicação traz os aspectos principais da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) de Relações Sindicais 2018-2020 que, posteriormente, será disponibilizada às entidades filiadas.

O Coletivo segue até o fim da tarde, conforme programação que ainda conta com a presença do ex-ministro da Previdência Social e assessor da CONTRAF, Carlos Gabas, para debater previdência; comunicados sobre questões específicas dos bancos públicos e privados; informes sobre a contribuição negocial, MPT e Judiciário; e debates sobre o pós reforma trabalhista e os cenários futuros inclusive quanto ao destino do judiciário trabalhista, com o Dr. Wilson Ramos Filho (XIXO), doutor em Direito, professor de Direito do Trabalho (UFPR/UFRJ).

A atividade será encerrada com informes sobre o II Seminário Jurídico Nacional da Contraf-CUT.

Fonte: SINTRAF JF com informações da Contraf-CUT